Carga de oxigênio chega ao AM com rapidez de balsa para atender hospitais de Manaus

Amazonas – Uma carga de 50 mil metros cúbicos de oxigênio chegou na noite desta segunda-feira, 11, em Manaus. A carreta com o cilindro contendo o produto foi transportada de balsa de Belém-PA até a capital amazonense.

A remessa é para repor os estoques da empresa White Martins, principal fornecedor da rede hospitalar do Estado, que enfrenta dificuldades para atender a demanda dos hospitais.

A força-tarefa criada para proporcionar a estrutura de atendimento e tratamento de pacientes trabalha para disponibilizar mais 392 leitos em Manaus. São 311 no Hospital Getúlio Vargas, da rede Ebserh – estatal de saúde do governo federal – e 81 de UTI no Hospital Nilton Lins, da rede privada.

O funcionamento depende apenas da contratação de profissionais de saúde para compor o quadro de pessoal.

Militares das Forças Armadas, médicos, enfermeiros, técnicos de enfermagem, representantes do Ministério da Saúde, e administradores da saúde do governo do estado e Prefeitura de Manaus formam a força-tarefa em Manaus para conter a proliferação da doença.

O governo pretende contratar empresas para implantar miniusinas de oxigênio em Manaus. A Força Aérea tem transportado cilindros para a capital amazonense a partir de quatro estados.

Com informações de Amazonas Atual

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui