Jornalista pressente a própria morte e deixa mensagem antes de partir

O jornalista Israel Pinheiro, 38 anos de idade, morreu ontem, vítima da covid-19. A morte dele foi anunciada às 22h40.

Israel era assessor do vereador Raulzinho (PSDB) e atuava como repórter em um blog regional. Atuava também como líder comunitário na Zona Norte de Manaus. Seu núcleo de atuação eram os bairros Terra Nova e Novo Israel.

Israel Pinheiro foi internado, em um quadro agravado da doença no dia 26 de dezembro. Dois dias depois ele foi intubado.

O jornalista postou em seu facebook, antes de entrar em uma fase mais crítica do tratamento, no dia 28:

Mensagem póstuma

Ainda antes da intubação, Israel Pinheiro fez outro texto que pediu que fosse publicado caso morresse. A mensagem póstuma foi publicada na madrugada desta quarta-feira, dia 13, em seu Facebook:

“Combati o bom combate. Guardei a fé, terminei bem a corrida que me foi proposta.

Estou voltado para casa do Pai, como filho.

Se você que me ama, peço por favor que aceite Jesus como seu único e suficiente Salvador e viva nesse caminho para que possamos nos encontrar aqui no céu.

Amo muito todos vocês e estou aguardando alegremente poder encontrar todos vocês por aqui.

O Paraíso de Deus é real e é tudo muito lindo.

NÃO É UM THAU, É UM ATÉ LOGO!”

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui