Wilson Lima destaca que parceria com Governo Federal reforça combate ao desmatamento no Amazonas

O governador Wilson Lima destacou em entrevista coletiva ao lado do vice-presidente Hamilton Mourão, nesta quinta-feira (05), que a parceria entre o Estado e o Governo Federal tem reforçado o combate à extração ilegal de madeira e o desmatamento no Amazonas.

A entrevista foi concedida no Comando Militar da Amazônia (CMA), como parte da agenda que o vice-presidente da República cumpre no estado, liderando comitiva formada por ministros e chefes de missões diplomáticas. Hamilton Mourão é presidente do Conselho Nacional da Amazônia Legal.

“Temos trabalhado com o Governo Federal para que a gente possa ter braço suficiente para poder combater, sobretudo a ilegalidade. E aí a gente tem contado com o apoio da Força Nacional; temos feito uma parceria com o Exército Brasileiro, que tem nos ajudado muito no combate a essas ilegalidades. O Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia também tem sido um grande parceiro, e ontem nós fizemos uma visita na sede, para que os embaixadores tivessem a oportunidade de acompanhar como é feito esse trabalho de monitoramento, assim como apoio significativo da Polícia Federal”, afirmou Wilson Lima.

O governador do Amazonas também ressaltou que há um esforço conjunto para ampliar a regularização fundiária.

“Quando não se tem a regularização de uma terra, fica difícil para que o Governo Federal, o Estado e, até a própria prefeitura, possa punir o responsável por aquele desmatamento. Então é algo que a gente tem trabalhado não só no comando e controle, mas também alguns fatores que são importantes, como regularização fundiária, zoneamento econômico-ecológico, a bioeconomia, alternativas para quem está nessa região possa garantir o sustento das suas famílias”, afirmou Wilson Lima.

O vice-presidente da República, Hamilton Mourão, enalteceu o trabalho da Superintendência Regional da Polícia Federal do Amazonas no combate à exploração ilegal da madeira. “A principal ilegalidade é a questão da exploração da madeira. E hoje vem sendo feita uma ação muito efetiva pela Superintendência Regional da Polícia Federal do Amazonas para estrangula esse comércio ilegal. E como que se impede isso? Em primeiro lugar fechando as vias de escoamento. A partir de momento que a pessoa corta a madeira e não consegue mais vender, ela perde o seu negócio. O trabalho da Polícia Federal aqui no Amazonas vem dando frutos e vai render cada vez mais, e não temos dúvida alguma que, em um curto espaço de tempo, vamos estabelecer uma barreira definitiva para essa questão”.

Crescimento turístico – O governador Wilson Lima destacou, ainda, projetos desenvolvidos pelo Estado para fomentar atividades sustentáveis no Amazonas, como o turismo ecológico. Um alinhamento com o Banco Nacional do Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) tem sido feito pelo Governo do Estado para a concessão de atividade turística em parques estaduais do Amazonas devido ao potencial no segmento.

“Temos avançado em alguns programas para o desenvolvimento das atividades turísticas junto a alguns países, como Peru e Colômbia, através do programa ‘Paisagens Sustentáveis da Amazônia’, em parceria com o Ministério do Meio Ambiente e Ministério do Turismo. Recentemente tivemos uma conversa com o BNDES e já estamos fechando a parceria para que haja um estudo de viabilidade para a concessão de atividade turística em parques estaduais”, disse o governador, ao destacar que os primeiros parques em estudo são o Parque Sumaúma, em Manaus, e o Parque Rio Negro, no município de Novo Airão.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui