segunda-feira, 26, outubro, 2020
Wilson Lima recorre ao Tribunal de Justiça contra relatoria de conselheiro aliado de Braga

Compartilhe:

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on whatsapp

O governador Wilson Lima (PSC), recorreu ao Tribunal de Justiça do Amazonas (TJ-AM), para que seja suspenso a relatoria do conselheiro do Tribunal de Contas do Estado do Amazonas (TCE-AM) Ari Moutinho Jr, sobre as contas do governo referente ao ano de 2019.

De acordo com a ação, Wilson pede que o Pleno do Tribunal de Contas do Estado (TCE-AM) julgue antes a suspeição do relator Ari Moutinho Jr. Isso ocorre porque o conselheiro é aliado do senador Eduardo Braga (MDB).

A imparcialidade do conselheiro caiu por terra quando durante audiência pública virtual da Assembleia Legislativa do Estado (ALE-AM), em junho deste ano, Ari Moutinho chamou o governador Wilson Lima de “analfabeto”, “imbecil”. Ele também disse que Wilson era “chefe de quadrilha” e “cleptomaníaco”.

A Procuradoria-Geral do Estado do Amazonas (PGE-AM), fez uma análise e subscreve o mandado de segurança, os xingamentos do conselheiro do Tribunal de Contas deixam nítida a perda de isenção para o julgamento.

Leia Também

Siga nossas mídias sociais

(92) 99514-1517

Portal da Capital Am

Informação com Credibilidade

Copyright © Todos os direitos reservados.