Caso de João Alberto: Carrefour faz acordo de R$ 120 milhões

Foto: Divulgação

O maior acordo extrajudicial da história do Rio Grande do Sul e, provavelmente, um dos maiores do país deve ser assinado ainda nesta quarta-feira (9), em Porto Alegre.

O supermercado Carrefour aceitou pagar R$ 120 milhões em multas devido à morte do cliente João Alberto Freitas em uma das lojas da franquia, em novembro de 2020, na capital do estado. De acordo com o portal GZH, as multas serão usadas para financiar ações afirmativas contra o racismo e outras reparações.

João Alberto foi espancado por seguranças do supermercado na frente do estabelecimento.

A confusão teria começado após uma discussão entre a vítima e uma funcionária do local. Os agressores foram presos em flagrante.