Fã processa Madonna por expor espectadores à ‘pornografia’ em show

Madonna está sendo processada por um fã norte-americano que diz ter sido enganado pela cantora em sua “Celebration World Tour”. Por meio de uma ação coletiva, na Califórnia, nos Estados Unidos, o homem, que pede o ressarcimento do valor do ingresso, alega que os espectadores foram enganados propositalmente pelo marketing do evento.

Segundo a revista People, o autor da queixa, Justin Lipeles, aponta que os shows programados para acontecer em quatro locais da Califórnia, em fevereiro e março, não começaram no horário previsto. O processo também acusa a rainha do pop de manter uma “temperatura quente e desconfortável” durante as apresentações e de forçar os espectadores a assistir “mulheres de topless” simulando “atos sexuais” no palco, submetendo-os à “pornografia sem aviso”.

Vale destacar que esta não é a primeira vez que fãs vão à justiça contra a cantora, que fez o último show da turnê na Praia de Copacabana, no Rio de Janeiro. Em janeiro, dois fãs entraram com um processo reclamando um atraso de duas horas para o show começar.