sexta-feira, 25, setembro, 2020
Caso Kimberly: ex-namorado confessa que matou miss Manicoré “preciso de Deus”

Compartilhe:

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on whatsapp

Manaus –  O analista judiciário Rafael Fernandes Rodrigues  31, confessou que matou a ex-namorada Kimberly Mota de 22 anos, na Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS), nesta terça-feira (19).

Segundo informações, durante o depoimento, ele disse à polícia que viu mensagens de outros homens no celular da miss Manicoré e ficou enfurecido,  após isto ele pegou uma faca e escondeu dentro da bermuda e esperou a vítima deitar na cama ao seu lado.

De acordo com o Rafael ele questionou Kimberly sobre quem eram aqueles homens que estavam mandando mensagem para ela dando facadas certeiras nela enquanto esperava sua resposta.

No mesmo instante, ela foi fechando os olhos, e ao ver a vítima falecer em seus braços Rafael entrou em desespero e tentou lavar  seu corpo no chuveiro, mas já era tarde demais.

Na sequência, o assassino levou o corpo para a sala e ficou pensando olhando para o corpo e pensando.

 Ele ligou para o seu pai e contou que havia feito “uma merda”, “pai eu matei minha namorada”.

Rafael então fugiu para a cidade de Pacaraima mas foi preso pela polícia em uma cabana de venezuelanos.  Agora ele vai responder pelo crime em Manaus possivelmente em liberdade por medidas do covid-19, se a justiça acatar o pedido de seu advogado.

Leia Também

Siga nossas mídias sociais

redacao@portaldacapitalam.com.br

(92) 99514-1517

Portal da Capital Am

Informação com Credibilidade

Copyright © Todos os direitos reservados.