quarta-feira, 21, outubro, 2020
Servidor do TCE, vulgo “Lúcio Punheta”, finalmente vai preso; veja vídeo

Compartilhe:

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on whatsapp

Amazonas – O servidor do Tribunal de Contas do Estado do Amazonas (TCE-AM), identificado como Lúcio Siqueira Cavalcante de 49 anos, conhecido como “Lúcio punheta”, foi preso na tarde desta sexta-feira (16), após ser denunciado por moradores da comunidade Marcos Freire em Presidente Figueiredo, de assediar crianças que brincavam nas proximidades do local onde ele possui um terreno. As informações são do Portal Urubuí.

Segundo informações, uma menina de 6 anos, teria falado ao seu pai que o funcionário público, estaria se aproximando das crianças enquanto elas brincavam pelo terreno, para fazer gestos obscenos além de tentar beijá-las sem que elas gostassem. Após a descoberta vários pais se uniram e fizeram a denúncia.

Registro

Não é a primeira vez que Lúcio Siqueira é envolvido em polêmicas de assédio, em 2017, ele foi denunciado por se masturbar na frente de uma estagiária nas mediações do TCE. Quando ele se aproximava da jovem colocava a mão por dentro da calça e tocava em seu pênis.

Prisão

Muitos pais da comunidade Marcos Freire localizada no km 13 da AM-240 em Presidente Figueiredo, foram até a delegacia onde Lúcio punheta está preso reivindicar que desta vez, ele permaneça na cadeia, para que o pior não aconteça caso ele saia.

Leia Também

Siga nossas mídias sociais

redacao@portaldacapitalam.com.br

(92) 99514-1517

Portal da Capital Am

Informação com Credibilidade

Copyright © Todos os direitos reservados.