domingo, 27, setembro, 2020
Morador de condomínio de luxo xinga polícia após denúncia de violência doméstica; veja vídeo

Compartilhe:

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on whatsapp

São Paulo – Um morador de Alphaville, condomínio de alto padrão na Grande São Paulo, que era suspeito de violência doméstica contra a mulher durante a quarentena, aparece num vídeo que circula nas redes sociais ameaçando agredir um policial militar, dizendo que ganha “R$ 300 mil por mês”, o chama de “lixo” e xinga ele e uma policial com palavrões em frente à sua residência, em Santana de Parnaíba. Ele resistiu, mas foi detido. Depois acabou liberado.

O comerciante de 49 anos foi levado algemado na tarde de sexta (29) para a Delegacia de Defesa da Mulher (DDM) da cidade, mas foi solto porque sua esposa, uma operadora bancária de 46 anos, não quis representar criminalmente contra ele naquele momento (apesar disso, ela tem prazo legal de até seis meses para fazer a representação). Em depoimento à Polícia Civil, o homem negou que tenha ameaçado a mulher e afirmou que não se lembra de ter ofendido os policiais.

O caso ocorreu em meio à pandemia do novo coronavírus, quando os números de casos de violência contra a mulher aumentaram em São Paulo durante o isolamento social, medida adotada pelo governo para evitar a propagação da doença.

Na gravação do vídeo é possível ouvir as ofensas do homem aos PMs. As imagens viralizaram ao serem compartilhadas, causando indignação principalmente em policiais, que se manifestaram publicamente em grupos na web repudiando os xingamentos.

Fonte G1

Leia Também

Siga nossas mídias sociais

redacao@portaldacapitalam.com.br

(92) 99514-1517

Portal da Capital Am

Informação com Credibilidade

Copyright © Todos os direitos reservados.