Após repercussão, Mei Shapiama e Arlequina de Manaus discutem nas redes sociais; veja

A polêmica envolvendo a repórter da TV Norte Amazonas Mei Shapiama e a influencer Arlequina de Manaus ganhou um novo capítulo neste segunda-feira (15/8). Após repercussão negativa nas redes sociais, Mei Shapiama usou sua conta oficial no Instagram para se pronunciar sobre o caso, em uma série de stories publicados a repórter alegou que tomou a iniciativa de mandar uma mensagem para a Arlequina de Manaus, com o intuito de esclarecer o ocorrido, mas não teve a resposta que esperava.

Na sua versão compartilhada para os seus seguidores, Mei Shapiama compartilhou partes das conversas que teve com a influencer de Manaus, no qual, Arlequina chega comentar sobre os ataques preconceituosos feitos pela jornalista.

Arlequina de Manaus também usou sua conta no Instagram para comentar sobre o ocorrido com a repórter Amazonense e afirmou que a partir de agora “quem me atacar não ficarei mais calada”.

A confusão na internet começou após Mei Shapiama comparar Dandara Pantoja, mais conhecido como Arlequina de Manaus com um personagem de um filme de terror – Pânico na floresta. Logo os internautas classificaram a “opinião” como bullying e a jornalista passou a ser duramente criticada pela postura preconceituosa.

 

Relembre o caso

Um comentário feito pela repórter policial da TV Norte Amazonas, Mei Shapiama repercutiu nas redes sociais, neste domingo (14/8), na ocasião, ela escreveu um comentário pejorativo contra a influencer de Manaus, Dandara Pantoja mais conhecida como Arlequina de Manaus. No texto escreve: “Pânico na floresta indo matar”, alguns internautas classificaram a opinião como bullying.

O comentário da repórter aconteceu após Arlequina de Manaus ter um vídeo publicado por uma página de fofoca, no qual, ela supostamente estaria ignorando uma seguidora, enquanto caminhava em uma avenida da cidade.

“Pânico na floresta indo matar. Acho de última esse pessoal que acha que é alguma coisa … Vamos usar dermacyd né por favor”, escreveu Mei Shapiama nos comentários.