segunda-feira, 28, setembro, 2020
Padastro dizia que era ‘bicho papão’ para enteada não revelar estupros

Compartilhe:

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on whatsapp

Parintins – Na manhã de quarta-feira (24), policiais civis da Delegacia Especializada de Polícia (DEP) de Parintins, prenderam em flagrante um homem de 23 anos por abusar sexualmente da própria enteada, uma criança de quatro anos. A prisão do infrator aconteceu na comunidade Pascoal Alagio, naquele município (distante 369 quilômetros em linha reta da capital).

Segundo a delegada Alessandra, a mãe da criança estava dando banho na menina, quando ela começou a chorar reclamando de dor. Ela contou à genitora que o padrasto tocou em suas partes íntimas e ele dizia que era o ‘bicho papão’, por isso, ela não podia contar a ninguém. O abuso aconteceu outras vezes.

“Depois de ter ouvido o relato da criança, imediatamente a mãe procurou a unidade policial para registrar a ocorrência e as equipes saíram em diligências à procura do infrator, que estava escondido em uma área de mata, ocasião em que o mesmo foi localizado e preso”, explicou Trigueiro.

Procedimentos – O infrator foi autuado em flagrante pelo crime de estupro de vulnerável e permanecerá na carceragem da DEP à disposição da Justiça.

Disque-denúncia: Trigueiro destacou que quem puder colaborar com informações sobre denúncias de crimes sexuais contra crianças e adolescentes, pode entrar em contato pelo número 181, o disque-denúncia da Secretaria de Estado de Segurança Pública (SSP-AM) ou pelo número da DEP: (92) 99408-4555. “Asseguramos o sigilo da identidade dos informantes”, ressaltou a delegada.

Leia Também

Siga nossas mídias sociais

redacao@portaldacapitalam.com.br

(92) 99514-1517

Portal da Capital Am

Informação com Credibilidade

Copyright © Todos os direitos reservados.