Amazonense é encontrado morto em apartamento no Rio e família pede ajuda para o translado

Foto: Divulgação/Arquivo Pessoal

A família do jovem Thiago da Costa Silva, 27, pede ajuda, por meio de vaquinha on-line, para translado do corpo, que está no Instituto Médico Legal (IML), na cidade do Rio de Janeiro. Thiago trabalhava como vídeo designer, morava há dois anos na cidade onde foi buscar oportunidades de trabalho.

A irmã do jovem amazonense, Paloma Costa Silva, relatou que Thiago morava sozinho e pode ter sido vítima de uma parada cardíaca.

A funerária cobrou quase R$ 10 mil, a quantia se tornou inviável para a família que recorre à vaquinha online, na intenção de conseguir o montante e, assim, poder realizar o translado do corpo para Manaus.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui