Ford fecha as portas e vai demitir 5 mil trabalhadores

Foto: Reprodução

A empresa Ford anunciou, segunda-feira (11), que fechará suas três fábricas no país situadas nos municípios de Camaçari (BA), Taubaté (SP) e Horizonte (CE). A montadora atribuiu a decisão à pandemia de covid-19, afirmando que ela intensificou um quadro de vendas já ruim e “prejuízos significativos” no país e na América do Sul. A montadora vai demitir cerca de 5 mil trabalhadores no Brasil e na Argentina.

Para os empresários e políticos, o excesso de subsídios e os embates políticos são motivos para o afastamento de empresas no Brasil.

Para o prefeito de Camaçari, Elinaldo Araujo (DEM), a cidade deve perder cerca de 12 mil empregos diretos com a saída da montadora americana. O prejuízo vai impactar, com a queda de arrecadação, principalmente na saúde pública e na educação, com o déficit de mais de R$ 130 milhões nos próximos dois anos.

O governador baiano, Rui Costa, disse que em nenhum momento a Ford solicitou novo incentivo. Mas atribuiu o fechamento da montadora americana a ausência de uma política industrial nos últimos seis anos.

“Estamos falando de uma situação macroeconômica que torna inviável a produção industrial no Brasil não só para a Ford, mas para vários segmentos industriais”, disse Costa, referindo-se à queda do real ante o dólar, que torna difícil a importação de insumos usados na produção.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui